sábado, 26 de junho de 2010

NEM SEI

Nem sei se sou teu amor assim
Teus beijos me enlouquecem
Me perco em teus braços amor
Pego uma flor te oferto agora
Se estou em teus braços choro
De tanto amor sentido em mim
Sou um beija-flor
Batendo asas
A tua procura
Passeio por aí
Sem medo de nada
Sem asas quebradas
Só pensando em ti

Poetisa Menduina

Um comentário:

Cacau Loureiro disse...

Gostei muitíssimo deste... os belos sentimentos estão nas coisas pequeninas e simples, a tua simplicidade me emociona, bom ter você por lá, em minha morada poética, beijos, obrigada!