sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

MINHA ANGUSTIA



Me perdi entre o Sol e a Lua
Subi nas montanhas mais altas
Tirei as sandálias, andei sem
Medo do que pudesse acontecer
Fiquei andando, andei tanto!

Meu lamento era tão triste, e só,
Estava chorando, as lágrimas
Rolavam sem que eu quisesse
Voltar ao passado, ah! Como
Queria, era tarde, muito, sabia.

Nem queria pensar no óbvio de
Minha desventura, morta me senti,
Meu coração amargou meu ser
Assim fui dando conta que a vida
Já longe se ia, pensei enfim que

Uma coisa era certa, aprendi, sim
Acertando, errando, meu choro
Tinha um proveito, não é triste
Mas sim, com pena do que deixei
De fazer, AMAR E AMAR.

MENDUIÑA

Um comentário:

Insana disse...

Tristeee

bjs
Insana