segunda-feira, 4 de julho de 2011

HOJE NÃO




Hoje não quero chorar
Apenas te amar e amar
Dizer o quanto te quero
Do bem que teu amor me
Faz, da falta dos teus beijos

Hoje não quero chorar
Vou sorrir em teu colo,
Te abraçar bem agarrado
Beijar tua boca com ardor
Teu aroma sentir e amar

Hoje não quero chorar
Em teus braços me deitar
Sentir meu sangue ferver
De desejo que sinto por ti
Hoje só quero ser amada.


MENDUIÑA

2 comentários:

helio.rocca disse...

Hoje não, interessante. Mas haverá um amanha, e o amor poderá tudo apaziguar...

Claudio Poeta disse...

Muito bonito, minha amiga! - Parabéns! - Abração