sexta-feira, 6 de agosto de 2010

MINHA DESCOBERTA

Depois de longos anseios descobri
Que deitar em teu peito calorosamente
Me faz sentir no céu, acordar feliz,
Não é mais UTOPIA! É real e lindo,
NÃO ESTOU MAIS SÓ!
Compartilhas comigo amorosamente
O deitar e o acordar, nossos pés enfim
Se tocam delicadamente neste amor,
Nossas mãos se entrelaçam e sorrimos
Pedindo que este amor perdure assim!
SOMOS UM SÓ, SIM!
Quem separará o que DEUS uniu? Beijos
Calorosos nos dá o complemento eu sei!
O cheiro da brisa do mar nos acompanha,
A LUA cheia sorri pra nós, cúmplice!!
Desta união, que tem a cor do céu, e a
E O BRILHO DAS ESTRELAS!


Poetisa Menduina

4 comentários:

Chica disse...

Que linda descoberta, Menduina e que bom te encontrar por aqui também!beijos,chica

Flor da Vida disse...

Olá minha querida e amada amiga!
Saudades de ti! Sua poesia ficou
belíssima e blindada pelo sentimento
maior, o AMOR... Aplausos a ti!!!
Carinhos a você, viu? Bjsss

Aleatoriamente disse...

Tanta intensidade, tanta delicadeza , só podia dar nisso... Beleza!!!

Lindo poema amiga.

Fernanda.

Carlos Rímolo disse...

Querida amiga e poetisa!!!
Belíssimo texto poético, romântico e sensual. O Amor é o mais belo dos sentimentos. Você o descreve bem!
Beijos de luz!!!

POETA CIGANO - 10/08/2010

www.carlosrimolo.blogspot.com