sexta-feira, 9 de setembro de 2011

O TEMPO

5 comentários:

helio.rocca disse...

Brilhantes versos amiga Menduina, eu deliro ao ler seus escritos. Tão plenos de vivências e belezas. Parabéns poetisa!

**♥✿-franciete-✿♥** disse...

Minha linda senhora, há muito que gostaria de ver seu blog. pois partilhamos dos mesmos amigos , mas achava que pudesse não gostar e, dai eu ainda não ter visitado o seu blog. que digo sem exagero, é muito lindo e muito bem recheado de lindas poesias.
Desejo para si um lindo final de semana com beijinhos de luz e muita paz na sua vida...

´Flor* disse...

Linda Casa Mediuna-Poema um tanto nostálgico,mas o Amor,o Dom,os Sonhos ,sempre estão vivos e latentes em nossa alma.A esperança não perece e os sonhos nos Enternece.Parabéns.Bjus\Flor*

Orides Siqueira disse...

Sim Menduina você é poeta e como poeta por circulos escreve as linhas retas, beijos guria, otimo blog !!!

Arnoldo Pimentel disse...

Muito lindo seu poema, parabéns pelo belo blog, já sigo.Tudo de bom pra você, beijos.

http://ventosnaprimavera.blogspot.com