sexta-feira, 15 de outubro de 2010

QUANDO TE AMEI




Quando te amei me dei
Definitivamente, foi assim
Me perdi neste amor lindo
Não sabia nem queria que
Tivesse fim, quase morri
De dor ao te perder, sofri
Perdi a noção do tempo
Continuei te amando
Como sempre
Com ardor
Teus beijos
Tenho o sabor
Ainda em mim
Vou te amar
Assim sem
Que saibas
Calada se chorar
Vou sussurrar
Pra não saberes

Poetisa Menduina

3 comentários:

Insana disse...

O Amor é assim infinito sem definição.
O Amor é para ser sentido, vivido e sofrido.
Se não for assim não é Amor.

bjs
Insana

Blog da Joaninha disse...

O amor é lindo, é grandioso, e em seus versos deixam a mostra sobre o amar...., lindo adorei, bjss de muita alegria

Vozes de Minha Alma disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.